"Espicaçar as consciências adormecidas"

.posts recentes

. Lei do Ruído 2017

. Pretender

. FC Porto mais português!

. Os homens são todos iguai...

. Ninguém faz nada!

. A moda do brunch

. Lopetegui a treinador do ...

. Treinadores Portugueses

. Super-Mães

. Deve haver uma explicação

. E depois do Adeus

. Ginastica Mental

. Hino à prostituta

. Banco Alimentar

. Teoricamente barato

. Pessoas com Categoria

. UML: para pessoas que gos...

. 10 contra 11, não!

. Taxista Sportinguista

. Escolher um Bacalhau

. Só os Belos empacotam

. As leis não escritas

. EUA tinham que passar

. Programador burro

. Programador vs Eng. Softw...

. O Porto da minha Infãncia

. Fazer amigos

. Fui eu que inventei

. Pessoas bem-educadas

. Antigamente

. Jorge Jesus e P. da Costa

. AH! Apanhar uma Camioneta...

. Ser Benfiquista

. Ninguém sabia o que fazer

. Almas Gémeas

. Aprendendo a ser Jovem

. Homens Misteriosos

. Depois de Babel

. Melhor que Telenovela

. 25 de Abril para os Joven...

. No meu tempo

. FC Porto vergonhoso

. O Canal Q e a cidade

. Pessimismo e conspiração

. A fugir do próprio Ego

. Rabos e rabinhos

. BCP é bom camarada

. Palpites

. O Drama dos Penalties

. Tratamento de Psicologia

.arquivos

. Março 2017

. Maio 2016

. Janeiro 2016

. Agosto 2015

. Maio 2015

. Abril 2015

. Março 2015

. Fevereiro 2015

. Dezembro 2014

. Novembro 2014

. Setembro 2014

. Julho 2014

. Junho 2014

. Maio 2014

. Abril 2014

. Março 2014

. Fevereiro 2014

. Janeiro 2014

. Dezembro 2013

. Novembro 2013

. Outubro 2013

. Setembro 2013

. Agosto 2013

. Julho 2013

. Junho 2013

. Maio 2013

. Abril 2013

. Março 2013

. Fevereiro 2013

. Janeiro 2013

. Dezembro 2012

. Novembro 2012

. Outubro 2012

. Setembro 2012

. Agosto 2012

. Julho 2012

. Maio 2012

. Março 2012

. Fevereiro 2012

. Janeiro 2012

. Dezembro 2011

. Novembro 2011

. Outubro 2011

. Setembro 2011

. Agosto 2011

. Julho 2011

. Junho 2011

. Maio 2011

. Abril 2011

. Março 2011

. Fevereiro 2011

. Janeiro 2011

. Dezembro 2010

. Novembro 2010

. Outubro 2010

. Setembro 2010

. Agosto 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Outubro 2007

. Setembro 2007

. Agosto 2007

. Julho 2007

. Junho 2007

. Maio 2007

. Abril 2007

Quarta-feira, 4 de Julho de 2012

Fumadores são reles, vis e xungas

Segunda tentativa séria para deixar de fumar. Lembro-me que da última vez senti o que uma amiga minha sentia depois de casada:

  • Pensar que nunca mais beijarei outro homem, dá-me vontade de chorar.

 

A mim também me dava vontade de chorar ao pensar que não ía fumar mais um cigarro na vida.

 

Uma professora do secundário contava-me que preferia ir para a sala dos professores fumadores embora ela própria nunca tivesse fumado na vida. É que os professores fumadores eram mais interessantes. Faz sentido naquele contexto de professores do secundário mais trintões .

O pessoal que vai para a night tem a tendência de ser pessoal mais interessante e comunicativo. O não fumador esteve durante muitos anos associado ao ser aborrecido, à choquice.

 

Nestes ultimos dias tenho ido tomar café com os presumíveis chocos dos não fumadores. E não é que constatei que agrada-me muito mais as conversas deles do que aqueles da sala de fumo? Foi como uma revelação para mim. O pessoal da sala de fumo é desinteressante, têm só conversas da treta como falar de gajas e futebol e um sentido de humor que embaraça. Este é outro contexto, muitos destes não fumadores até já foram grandes fumadores e conseguiram vencer o vicio, ou seja, evoluíram. Eu considero-me inferior a um ex-fumador e irei-jme considerar superior a um fumador se me tornar um dos primeiros.

 

Ou seja, chego à conclusão que os fumadores são reles, vis e xungas. E quero-me demarcar dessa corja.

Se eu voltar a fumar podem-me chamar de vil reles xungoso.

 

Há uma regra de oiro para todo o viciado que quer deixar a sua adição: Não tocar jamais, uma única vez, no seu vicio. Como um ex-alcoólico que não pode tocar num copo de vinho. É esquecer.

tags: ,
publicado por antiego às 18:26
| Comentar (ou não) | Adicionar aos Posts Favoritos
|
Contador Web
Contadores
online

.tags

. todas as tags

.mais sobre mim

.pesquisar

 

.Março 2017

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
30
31
blogs SAPO

.subscrever feeds