"Espicaçar as consciências adormecidas"

.posts recentes

. Pretender

. FC Porto mais português!

. Os homens são todos iguai...

. Ninguém faz nada!

. A moda do brunch

. Lopetegui a treinador do ...

. Treinadores Portugueses

. Super-Mães

. Deve haver uma explicação

. E depois do Adeus

. Ginastica Mental

. Hino à prostituta

. Banco Alimentar

. Teoricamente barato

. Pessoas com Categoria

. UML: para pessoas que gos...

. 10 contra 11, não!

. Taxista Sportinguista

. Escolher um Bacalhau

. Só os Belos empacotam

. As leis não escritas

. EUA tinham que passar

. Programador burro

. Programador vs Eng. Softw...

. O Porto da minha Infãncia

. Fazer amigos

. Fui eu que inventei

. Pessoas bem-educadas

. Antigamente

. Jorge Jesus e P. da Costa

. AH! Apanhar uma Camioneta...

. Ser Benfiquista

. Ninguém sabia o que fazer

. Almas Gémeas

. Aprendendo a ser Jovem

. Homens Misteriosos

. Depois de Babel

. Melhor que Telenovela

. 25 de Abril para os Joven...

. No meu tempo

. FC Porto vergonhoso

. O Canal Q e a cidade

. Pessimismo e conspiração

. A fugir do próprio Ego

. Rabos e rabinhos

. BCP é bom camarada

. Palpites

. O Drama dos Penalties

. Tratamento de Psicologia

. Crise e Poupança

.arquivos

. Maio 2016

. Janeiro 2016

. Agosto 2015

. Maio 2015

. Abril 2015

. Março 2015

. Fevereiro 2015

. Dezembro 2014

. Novembro 2014

. Setembro 2014

. Julho 2014

. Junho 2014

. Maio 2014

. Abril 2014

. Março 2014

. Fevereiro 2014

. Janeiro 2014

. Dezembro 2013

. Novembro 2013

. Outubro 2013

. Setembro 2013

. Agosto 2013

. Julho 2013

. Junho 2013

. Maio 2013

. Abril 2013

. Março 2013

. Fevereiro 2013

. Janeiro 2013

. Dezembro 2012

. Novembro 2012

. Outubro 2012

. Setembro 2012

. Agosto 2012

. Julho 2012

. Maio 2012

. Março 2012

. Fevereiro 2012

. Janeiro 2012

. Dezembro 2011

. Novembro 2011

. Outubro 2011

. Setembro 2011

. Agosto 2011

. Julho 2011

. Junho 2011

. Maio 2011

. Abril 2011

. Março 2011

. Fevereiro 2011

. Janeiro 2011

. Dezembro 2010

. Novembro 2010

. Outubro 2010

. Setembro 2010

. Agosto 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Outubro 2007

. Setembro 2007

. Agosto 2007

. Julho 2007

. Junho 2007

. Maio 2007

. Abril 2007

Quarta-feira, 2 de Abril de 2008

Pagar um copo

          Depois de ter lido o artigo Todos gabarolas, todos iguais!, recordei-me: mas que merda é esta, que galanteio é este, de pagar coisas a uma gaja desconhecida !!! Que cena é esta de pagar um copo ou um jantar a uma gaja? Que cena mais machista. E quem o aceita, assim, não sente um certo cheiro a prostituição?

            As ocasiões em que paguei um jantar ou um copo a uma mulher que não estivesse ligada a mim, foi nas mesmas situações a que fiz a um homem: por essa pessoa ter dificuldades económicas (oferecer copos a pessoas intimas é natural)

        A uma desconhecida pela qual engraçamos, dá-se uma flor ou escreve-se um bilhetinho :-)

            Pagar-lhe um copo… só se ela trabalhar num bar de alterne.

          Nem nas noites loucas, nos tempos da universidade, isso era prática que as mulheres aceitam-se, em geral.

         Aliás, no ambiente académico, convidar alguém para sair, jantar, etc, apenas significava:

- Gostava de ter a tua companhia.

            Nem passava pela cabeça de ninguém que o outro iria pagar o que quer que fosse.

            Aliás, certo dia achei que seria razoável pagar um café e ficaram quase ofendidos com isso!

 

            Agora, se um dia, uma desconhecida me convidasse para jantar ou me oferecesse um copo, isso é que era ATITUDE! (não vale a pena, tarde demais)

 

publicado por antiego às 12:20
| Comentar (ou não) | Adicionar aos Posts Favoritos
|
3 comentários:
De karoxah a 4 de Abril de 2008 às 00:17
as únicas pessoas que me pagam algo sem eu ficar ofendida são os amigos/amigas e o namorado...

e nem eu aceitava um copo pago por um desconhecido!
hihi

beijinhos**
De antiego a 4 de Abril de 2008 às 12:05
Pois, eu cresci rodeado de mulheres como tu. Qual não foi o espanto quando comecei a ver coisas como: pagar um jantar é um acto de cavalheirismo.
De Maaf a 4 de Abril de 2008 às 11:37
Prostituição...... essa tá demais... uma boa desculpa para dividir contas!

Comentar post

Contador Web
Contadores
online

.tags

. todas as tags

.mais sobre mim

.pesquisar

 

.Maio 2016

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31
blogs SAPO

.subscrever feeds