"Espicaçar as consciências adormecidas"

.posts recentes

. Pretender

. FC Porto mais português!

. Os homens são todos iguai...

. Ninguém faz nada!

. A moda do brunch

. Lopetegui a treinador do ...

. Treinadores Portugueses

. Super-Mães

. Deve haver uma explicação

. E depois do Adeus

. Ginastica Mental

. Hino à prostituta

. Banco Alimentar

. Teoricamente barato

. Pessoas com Categoria

. UML: para pessoas que gos...

. 10 contra 11, não!

. Taxista Sportinguista

. Escolher um Bacalhau

. Só os Belos empacotam

. As leis não escritas

. EUA tinham que passar

. Programador burro

. Programador vs Eng. Softw...

. O Porto da minha Infãncia

. Fazer amigos

. Fui eu que inventei

. Pessoas bem-educadas

. Antigamente

. Jorge Jesus e P. da Costa

. AH! Apanhar uma Camioneta...

. Ser Benfiquista

. Ninguém sabia o que fazer

. Almas Gémeas

. Aprendendo a ser Jovem

. Homens Misteriosos

. Depois de Babel

. Melhor que Telenovela

. 25 de Abril para os Joven...

. No meu tempo

. FC Porto vergonhoso

. O Canal Q e a cidade

. Pessimismo e conspiração

. A fugir do próprio Ego

. Rabos e rabinhos

. BCP é bom camarada

. Palpites

. O Drama dos Penalties

. Tratamento de Psicologia

. Crise e Poupança

.arquivos

. Maio 2016

. Janeiro 2016

. Agosto 2015

. Maio 2015

. Abril 2015

. Março 2015

. Fevereiro 2015

. Dezembro 2014

. Novembro 2014

. Setembro 2014

. Julho 2014

. Junho 2014

. Maio 2014

. Abril 2014

. Março 2014

. Fevereiro 2014

. Janeiro 2014

. Dezembro 2013

. Novembro 2013

. Outubro 2013

. Setembro 2013

. Agosto 2013

. Julho 2013

. Junho 2013

. Maio 2013

. Abril 2013

. Março 2013

. Fevereiro 2013

. Janeiro 2013

. Dezembro 2012

. Novembro 2012

. Outubro 2012

. Setembro 2012

. Agosto 2012

. Julho 2012

. Maio 2012

. Março 2012

. Fevereiro 2012

. Janeiro 2012

. Dezembro 2011

. Novembro 2011

. Outubro 2011

. Setembro 2011

. Agosto 2011

. Julho 2011

. Junho 2011

. Maio 2011

. Abril 2011

. Março 2011

. Fevereiro 2011

. Janeiro 2011

. Dezembro 2010

. Novembro 2010

. Outubro 2010

. Setembro 2010

. Agosto 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Outubro 2007

. Setembro 2007

. Agosto 2007

. Julho 2007

. Junho 2007

. Maio 2007

. Abril 2007

Sexta-feira, 19 de Dezembro de 2008

Melhor Post do ano 2008

            Com o aproximar do dia 31 de Dezembro, surgem as compilações dos melhores momentos do ano que está a findar.

            Daí que acho justo eleger-se o melhor post do ano 2008.

            Assim que o li, lembrei-me logo desta ideia. O Post está mais que brilhante, de um sentido de humor genial. É também uma bofetada naqueles que só sabem dizer mal do nosso país. Meus amigos, isto nem vindo dos melhores humoristas profissionais.

 

            Passo aqui a transcrição do post porque não se tem a certeza se no futuro o link para o blog Chispes e Couratos será válido: Alerta bacalhau.

 

 

                        Alerta Bacalhau!

Portugal é o maior consumidor de bacalhau seco do mundo: representa uma ingestão per capita de seis quilos por ano. De certeza que alguém ficou a arder em 3 quilos porque eu nunca fico abaixo dos 9 quilos. Todos sabemos que estes cálculos per capita são injustos, mas uma vez calha a uns, outra vez calha a outros. Por exemplo, o consumo anual de vinho dá para cada português 16 litros. Claro que eu confesso que ando a beber os meus e os de, pelos menos, mais 10 portugueses (um direito que me assiste, uma vez que tenho vários familiares que não bebem álcool e tomei a liberdade de ficar com os litros deles). Contudo, devia-me calhar, nas contas per capita, pelo menos um copito de Barca Velha ou Pêra Manca e alguém os anda a emborcar por mim. Se formos por aí, então isto nunca mais acaba.


Mas os números que me trazem aqui são outros. Portugal consome anualmente 70 mil toneladas de bacalhau seco. O Brasil já vai perto das 30 mil toneladas, um número que começa a assustar tanto mais que em 2000 rondava as 11 mil.


Mas o que me chocou foi quando descobri que afinal são pescados anualmente cerca de 500 mil toneladas de bacalhau em todo o mundo. Para onde está a ir este bacalhau todo? Eu sempre pensei que os portugueses fossem os grandes consumidores, que o Bacalhau representasse a nossa maior conquista, o nosso grande segredo, a essência da Alma Portuguesa. Mas não, afinal há mais pessoal a malhar-lhe e nós a vivermos na ideia inocente de que o Bacalhau era só nosso. O tanas!


Na verdade, o nosso consumo de 70 mil toneladas era ambientalmente sustentável, era um consumo mais do que amigo do Planeta (era como pescar um bacalhausinho de cada família, os parentes nem davam pela falta), não houvesse outros povos a meterem o bedelho nos alimentos dos outros.


O que me assusta é esta irresponsabilidade de alguns portugueses que andam por esse mundo fora a espalhar que os outros não sabem comer, que o bacalhau é maravilhoso e que pode ser preparado de mil formas diferentes. Claro que a coisa começa a espalhar-se e os outros metem-se a experimentar.
Defendo que os cidadãos portugueses ou de dupla nacionalidade (como emigrantes) que andem a lesar o nosso bem comum devem ser responsabilizados criminalmente. Estou farto de ouvir: “preparei um bacalhau para os meus amigos franceses, que nem sabiam o que era Bacalhau, e eles ficaram deliciados, até me pediram a receita”. Nabos! Um dia destes vemos o nosso bacalhau à “Gomes Sá” conhecido em França como o “La morue à la Gaston "Raymond Poincaré".


Fomos nós que tivemos a ideia de integrar nos hábitos alimentares o Bacalhau. Espero que o nosso governo faça valer isso quando a pressão das pescas obrigar a impor fortes restrições no consumo.


Os primeiros a cortarem deviam ser franceses, ingleses, húngaros, polacos, tchetchenos, sérvios, romenos, iranianos, etc, que nem vão dar por ela. Se cortarem 1% aqui, 0,5 % acolá, no final deve dar umas valentes toneladas de bacalhau que fica nos mares a procriar.”

tags: , ,
publicado por antiego às 12:18
| Comentar (ou não) | Adicionar aos Posts Favoritos
|
2 comentários:
De Paula a 30 de Dezembro de 2008 às 16:42
Como comentei no «Sexo e a cidade» vim parar aqui por acaso, quando estava a pesquisar um tema.

Tens piada, sim sr! Já me diverti um bocado!

Bem... vou 'passando' de quando em vez.
De antiego a 30 de Dezembro de 2008 às 19:18
Muito Obrigado. É óptimo sabermos que temos leitores mais ou menos habitués. :-)

Bom Ano 2009

Comentar post

Contador Web
Contadores
online

.tags

. todas as tags

.mais sobre mim

.pesquisar

 

.Maio 2016

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31
blogs SAPO

.subscrever feeds