"Espicaçar as consciências adormecidas"

.posts recentes

. Lei do Ruído 2017

. Pretender

. FC Porto mais português!

. Os homens são todos iguai...

. Ninguém faz nada!

. A moda do brunch

. Lopetegui a treinador do ...

. Treinadores Portugueses

. Super-Mães

. Deve haver uma explicação

. E depois do Adeus

. Ginastica Mental

. Hino à prostituta

. Banco Alimentar

. Teoricamente barato

. Pessoas com Categoria

. UML: para pessoas que gos...

. 10 contra 11, não!

. Taxista Sportinguista

. Escolher um Bacalhau

. Só os Belos empacotam

. As leis não escritas

. EUA tinham que passar

. Programador burro

. Programador vs Eng. Softw...

. O Porto da minha Infãncia

. Fazer amigos

. Fui eu que inventei

. Pessoas bem-educadas

. Antigamente

. Jorge Jesus e P. da Costa

. AH! Apanhar uma Camioneta...

. Ser Benfiquista

. Ninguém sabia o que fazer

. Almas Gémeas

. Aprendendo a ser Jovem

. Homens Misteriosos

. Depois de Babel

. Melhor que Telenovela

. 25 de Abril para os Joven...

. No meu tempo

. FC Porto vergonhoso

. O Canal Q e a cidade

. Pessimismo e conspiração

. A fugir do próprio Ego

. Rabos e rabinhos

. BCP é bom camarada

. Palpites

. O Drama dos Penalties

. Tratamento de Psicologia

.arquivos

. Março 2017

. Maio 2016

. Janeiro 2016

. Agosto 2015

. Maio 2015

. Abril 2015

. Março 2015

. Fevereiro 2015

. Dezembro 2014

. Novembro 2014

. Setembro 2014

. Julho 2014

. Junho 2014

. Maio 2014

. Abril 2014

. Março 2014

. Fevereiro 2014

. Janeiro 2014

. Dezembro 2013

. Novembro 2013

. Outubro 2013

. Setembro 2013

. Agosto 2013

. Julho 2013

. Junho 2013

. Maio 2013

. Abril 2013

. Março 2013

. Fevereiro 2013

. Janeiro 2013

. Dezembro 2012

. Novembro 2012

. Outubro 2012

. Setembro 2012

. Agosto 2012

. Julho 2012

. Maio 2012

. Março 2012

. Fevereiro 2012

. Janeiro 2012

. Dezembro 2011

. Novembro 2011

. Outubro 2011

. Setembro 2011

. Agosto 2011

. Julho 2011

. Junho 2011

. Maio 2011

. Abril 2011

. Março 2011

. Fevereiro 2011

. Janeiro 2011

. Dezembro 2010

. Novembro 2010

. Outubro 2010

. Setembro 2010

. Agosto 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Outubro 2007

. Setembro 2007

. Agosto 2007

. Julho 2007

. Junho 2007

. Maio 2007

. Abril 2007

Quinta-feira, 14 de Outubro de 2010

O melhor PPR (custo zero)

Divorciado, Pai de duas crianças à guarda da mãe a quem nunca deu pensão de alimentos e até já foi financiado pela ex, é contactado por uma assistente social para falar sobre os seus filhos. Desde logo avisa que é um homem muito atarefado.

Deve ser atarefado por ficar com os filhos uma vez por mês, de sábado para domingo, fazer-lhes o almoço, jantar, pequeno almoço, passeá-los, e a única vez que os leva à escola, considerou a distancia de 10 minutos do metro à porta da escola, muito longe.

 

Na sobrevivência vale tudo. Se um dia apanhares uma mulher rica, engravida-a logo. Se um dia apanhares qualquer mulher, engravida-a. É como um seguro de vida incerto. Não sabes se vais receber o PPR ou não, mas não pagas nada por ele.

Primeiro "tudo se cria", depois alguém há-de tomar conta deles, nem que seja uma instituição do estado (e a mãe). O estado até agradece, como o inverno demográfico que anda por aí... até parece que só se fornica 1 vez de 20 em 20 anos. Não sejas panilas, dá o teu conributo para a humanidade, para a sobrevivêcia da espécie.

Depois, só tens que ir marcando o ponto, aparecer de vez em quando a dizer que adoras os teus filhos. Ficas com o estatuto social. Se tiveres mais sorte, na idade da reforma, os teus filhos dar-te-ão uma mãozinha, porque afinal... não estariam aqui se não fosses tu.

Se não te derem a mão... anda aqui um pai... azar, eles saíram insensíveis.

tags:
publicado por antiego às 16:08
| Comentar (ou não) | Adicionar aos Posts Favoritos
|
8 comentários:
De tou anónima, não me chamo helena a 25 de Janeiro de 2011 às 18:43
he he he...esse post diz-me muito.

Como já contei tenho mais um pimpolho para criar sem pai. Como exigiu que abortasse e não o fiz considera que não tem qualquer obrigação e que tudo o que faz é um especial favor.

Depois de uma gravidez de 9 meses em que fiz, sozinha, adquiri tudo o que um bébé precisa, lá consegui que apos o nasciemnto comparessece na maternidade para fazer o registo.

Nesse dia deu-lhe um ataque de boa vontade e perguntou se eu tinha fraldas para o bébé. Disse que sim, que tinha muitas para este tamenho, mas que lhe agradecia se me fizesse um avio na farmacia, pois acabada de operar custava-me deslocar-me. Nem nos levou a casa, esperei por outra boleia, mas, simpatico, disse que sim. Comprou o que pedi e trouxe cá a casa: Um soro fisiologico, uma bomba nasal, uma caixa de compressas, um sabonete de glicerina e uma caixa de supositórios.

Quando m,e entregou aquilo teve a distinta lata de comentar que apesar de eu ter tido o filho à rebelia da vontade dele me estava a ajudar e a gastar dinheiro.

Fiquei extremamente comovida. Não sou uma mulher cheia de sorte?

(tenho a sorte...não tive foi a inteligencia de não me envolver com um egoista XXl)

De antiego a 25 de Janeiro de 2011 às 19:55
Não tinhas contado que o que o tiveste agora não tem pai presente. Eu poderia dizer que isso é do c***. Mas não é.

Razão poderia ter eu por, uma vez, uma mulher ter engravidado à minha rebelia (i.e. o golpe da barriga). Claro que tive de ser pai. Só achei demais foi quando a mãe não queria baixar uma apreciável pensão de alimentos, depois de eu ter outros filhos, e estar com dificuldade para todos.
De tou anónima, não me chamo helena a 25 de Janeiro de 2011 às 20:03
Nem pedi pensão de alimentos. Claro está que espero que seja razoavel e colabore nas despesas...

Neste caso não houve golpe da barriga, houve mesmo falta de cuidado enquanto interrompi a pilula por motivos de saude. da parte de ambos, visto nao ter escondido que nada tomava. E isto durante uma relação aparentemente bastante séria em que estavamos prestes a juntar trapos.

Não aceitar baixar uma pensão quando sempre houve cumprimento, havendo motivos validos e sendo ele suficiente para a parte das despesas que toca ao outro parece-me egoismo e tentar tirar proveito da situação.
De antiego a 25 de Janeiro de 2011 às 22:30
Tens todo o direito de pedir pensao de alimentos. Nem que seja uma coisa simbólica de 100 euros.
Dar pensão de alimentos é isso mesmo: colaborar na despesas. E é a melhor forma para quem colabora porque sempre depois pode deduzir no IRS.

Acho que o justo, havendo dinheiro de parte a parte, é dividir as despesas do menor a 50% para cada um.
De tou anónima, não me chamo helena a 27 de Janeiro de 2011 às 20:42
Ele acha o valor simbolico ed 100 euros uma barbaridade. Sei isso porque uma vez comentou precisamente isso sobre um amigo pagar isso à ex!

Quando pedir a pensão vai haver stresses e tenho estado a evitar e a aguardar que se manifeste ou contribua por ele.

Neste momento estou com tanta coisa para resolver que me fujo de mais confrontações ou problemas, mas sei que acabarei por ter de tomar uma atitude.

Ao miudo é que não pode faltar.
De antiego a 27 de Janeiro de 2011 às 21:33
Ele comentou isso antes ou depois da gravidez?
De tou anónima, não me chamo helena a 27 de Janeiro de 2011 às 21:39
antes da gravidez.
De tou anónima, não me chamo helena a 27 de Janeiro de 2011 às 21:42
pelo ponto de vista dele os homens são sempre enganados. parece que as mulheres têm por hábito engravidar só a pensar nas pensões de alimentos.

Mostra a tacanhês de raciocinio. Salvo algumas excepções as pensões de alimentos nem chegam a dar para a metade das despesas reais. os miudos comem, tomam banho, deslocam-se, andam na escola, vão ao medico. isto já sem falar nas despesas que nunca se contabilizam tais como gaz, luz ou água.

Comentar post

Contador Web
Contadores
online

.tags

. todas as tags

.mais sobre mim

.pesquisar

 

.Março 2017

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
30
31
blogs SAPO

.subscrever feeds