"Espicaçar as consciências adormecidas"

.posts recentes

. Os homens são todos iguai...

. A Pensar morreu uma burra

. A Matemática dos Cornos

. Que Estoiro, Minha

. Chico, tu compreendes-me

. Pensar com a Vagina

. Sacos de Plástico a 5 cên...

. Bruna-Esperta

. Dia Mundial da Mulher a D...

. Nada como uma boa Vinganç...

. Nada como um decote

. Egoismo vs Egocentrismo

. Escolhendo a Mãe

. Poder Maternal

. A Mulher que comeu o Home...

. Por um mundo mais Belo

. Ajudar e apanhar na Pinha

. Os Juizes da Violação

. Mulheres com Potencial

. Contra-argumentação do Am...

. Mulher Multi-Tasking

. Solteira e Feliz

. Principe Sexual

. Casei com uma Atrasada Me...

. Vai um Filho ou um Cão?

. Macacas de imitação

. Factura Electrónica e Sex...

. O meu pai era heterossexu...

. Não compreendes as mulher...

. Casado ou Moreno

. Namorar um Casado

. Expoente de Sensualidade

. Mudanças de Opinião

. Namorei com um Burgesso

. PS: Inacreditável

. Gostar Muito

. Conseguiria ser Psicologa...

. Paradoxo sexual

. Homens assim, mulheres as...

. Os Multifacetados

. Luther King diz Parvoice

. Pare de Complicar

. Pontualidade

. Casamento Fora de Moda

. Estatistica e Psicologia

. Venusianas e Marcianos

. Pagar um copo

. Horoscopo Sinistro

. Miss Portugal

. Mulheres Portuguesas

.arquivos

. Março 2017

. Maio 2016

. Janeiro 2016

. Agosto 2015

. Maio 2015

. Abril 2015

. Março 2015

. Fevereiro 2015

. Dezembro 2014

. Novembro 2014

. Setembro 2014

. Julho 2014

. Junho 2014

. Maio 2014

. Abril 2014

. Março 2014

. Fevereiro 2014

. Janeiro 2014

. Dezembro 2013

. Novembro 2013

. Outubro 2013

. Setembro 2013

. Agosto 2013

. Julho 2013

. Junho 2013

. Maio 2013

. Abril 2013

. Março 2013

. Fevereiro 2013

. Janeiro 2013

. Dezembro 2012

. Novembro 2012

. Outubro 2012

. Setembro 2012

. Agosto 2012

. Julho 2012

. Maio 2012

. Março 2012

. Fevereiro 2012

. Janeiro 2012

. Dezembro 2011

. Novembro 2011

. Outubro 2011

. Setembro 2011

. Agosto 2011

. Julho 2011

. Junho 2011

. Maio 2011

. Abril 2011

. Março 2011

. Fevereiro 2011

. Janeiro 2011

. Dezembro 2010

. Novembro 2010

. Outubro 2010

. Setembro 2010

. Agosto 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Outubro 2007

. Setembro 2007

. Agosto 2007

. Julho 2007

. Junho 2007

. Maio 2007

. Abril 2007

Sábado, 22 de Agosto de 2015

Os homens são todos iguais

Isto é uma frase tipica das mulheres supostamente maduras mas com muito azar na vida. È uma velha mentira. Elas sabem que os homens são todos diferentes: há uns mais bonitos que outros.

tags: ,
publicado por antiego às 23:12
| Comentar (ou não) | Adicionar aos Posts Favoritos
|
Quarta-feira, 30 de Maio de 2012

A Pensar morreu uma burra

      Para gáudio das discipulas de "o sexo e a cidade" vou contar a seguinte historia real:

 

      Uma mulher casa com o seu namorado e constituem familia. Ao terceiro filho, ela confidencia:

- Eu pensava que ser mãe me iria realizar, mas... não me sinto realizada.

 

      Pergunta: qual a profissão e/ou formação desta mãe?

Terça-feira, 15 de Maio de 2012

A Matemática dos Cornos

       Ted Talks é um programa muito giro onde um pensador original vai expor uma ideia interessante que poderá mudar o mundo, durante cerca de 20 minutos.

     Ontem vi uma senhora simpática, de uma certa idade, falando sobre 3 instintos básicos do ser humano: o sexual, o amor romântico e a necessidade de apego. A grande novidade é a necessidade de apego que ela explicou tratar-se da necessidade que o ser humano sente de ter uma companheira ou companheiro, durante toda a sua vida.

       Realmente surpreendente foi ela ter declarado que, embora estes instintos se interliguem, podem ser bem independentes. Ela assegurou que é perfeitamente possível uma pessoa estar na cama a desejar sexualmente a Sandra, virar de lado e sentir amor romântico pela Cristina, revolver-se de novo e sentir um desejo imenso de passar o resto da sua vida com a Eulália.

       Pois, tudo é possível. Apenas que eu nunca tive desejos cruzados deste tipo nem com 2 pessoas diferentes, nem nunca ouvi tal. Quanto mais, tive uma amiga que namorava e namoriscou um bocado por fora e se sentiu tentada a mudar de rapaz. Acabou por ser bastante curto e voltou para o namorado com quem nunca chegou a casar.

      Achei também bastante engraçado o fervor feminista desta senhora, que relativamente contido emocionalmente, estava longe de o ser em palavras. Ela tentava passar uma imagem de cientista nestas matérias. Mas a idiotice era tal que fico com grandes suspeitas de ela ter uma forte formação em psicologia.

 

      Não é que ela, no meio de tantas considerações entre as abismais diferenças entre o homem e a mulher, resolve encetar uma competição de infidelidade! Não, a mulher não pode ser menos infiel que o homem, ui, essa competição do mais cornudo é que não pode perder.

       Vai daí, ela arrebata a assistência com este argumento brilhante:

- È claro que as mulheres são tão infiéis como os homens. Afinal, com quem pensam que os homens são infiés? Hello !!! É simples matemática.

 

       Que estupidez, como é que eu nunca tinha pensado nisso. Tem toda a razão: é simples matemática, mas só que numa simple-mind americana.

      No meu mundo perfeito, esta afirmação teria toda a validade matemática, porque no meu mundo perfeito ninguém está sozinho, toda a gente tem um companheiro e ninguém precisa de pagar para ter afecto.

Quarta-feira, 29 de Setembro de 2010

Que Estoiro, Minha

Podem ler aqui um excelente e divertido post sobre As gordinhas e as outras.

 

Quando li isto, achei piada. Parecia uma coisa escrita por uma teenager no seu blog, revoltada com o mundo. Ía-lhe deixar o simples comentário:

- Altamente!

 

Ou seja, Este post demonstra uma criatividade acima da média para uma rapariga de 15 anos. Enquanto descobre o mundo, reflecte sobre ele, se revolta contra as suas injustiças, ela vai crescendo.

 

Quando ía a deixar o comentário reparei que já havia mais de 100 comentários ao post. E nos posts seguintes o nº de comentários também ultrapassavam a centena. UAU! Esta tipa é o maior sucesso, está a tomar a net. Só pode ser a fórmula irresistivel: uma mulher jovem a falar de sexo.

Mas quem é esta jovem com tanto sucesso na blogosfera?

 

Afinal.... era a Margarida Rebelo Pinto.

 

Xiça, minha, o que andas a tomar? Pilulas de rejuvenescimento?

publicado por antiego às 13:01
| Comentar (ou não) | Adicionar aos Posts Favoritos
|
Segunda-feira, 27 de Setembro de 2010

Chico, tu compreendes-me

É curioso que o poema que eu considero mais erótico-romãntico, da perspectiva da mulher, que é, provavelmente, o preferido das mulheres lusófonas, tenha sido escrito por um homem: Chico Buarque. É o poema e canção O Meu Amor.

 

Está a pegar nessas canetas, quero as próprias a descreverem o que sentem. Onde está a criatividade?

 

E já agora… quantos episódios de “O Sexo e a Cidade” foram escritos por homens?

Sexta-feira, 16 de Julho de 2010

Pensar com a Vagina

Quanto comecei a ler o post O coração no pipi, pensei: finalmente alguém concorda comigo neste ponto. Mas não, o assunto daquele post é outro e por acaso ainda não o compreendi bem.

 

O assunto é: muito justamente os homens são muitas vezes acusados de pensarem com a cabeça de baixo. Mas… isto até parece dito como se o delicado e sensível sexo (o feminino) não o fizesse também, e aos pacotes.

 

Quantas vezes uma mulher, não tendo qualquer interesse romântico num individuo, não quis perder nem um minuto com ele, embora até pudesse jurar a pés juntos que era amiga dele?

 

A não ser, claro, que o individuo seja gay.

publicado por antiego às 18:11
| Comentar (ou não) | Adicionar aos Posts Favoritos
|
Sexta-feira, 2 de Julho de 2010

Sacos de Plástico a 5 cêntimos Já

Há pouco tempo recebi no e-mail um powerpoint a alertar para as consequências gravíssimas do uso e abuso dos sacos de plástico.

 

Já em 2004 eu escrevi na minha mailing list como eu reciclava sacos de plástico. Ìa ao continente já munido com sacos usados, pese embora eles fossem grátis. E falei de como as pessoas me achavam anormal por fazer isso. Então, são de borla !!

 

Eu também defendo que nada deve ser grátis. O que é grátis está condenado a ser usado, abusado, desperdiçado, vandalizado, etc. Ou nunca foram a uma discoteca de bar aberto?

O povo tem o comportamento de uma criança: o que pode fazer, faz.

 

Nesse powerpoint dava exemplos de alguns países que poupam milhões de sacos por simplesmente terem proibido os sacos de plástico gratuitos.

 

Entretanto reparo que, na maior parte dos hipermercados, os sacos plásticos passaram a custar 2 cêntimos.

 

É POUCO !!!! A coisa tem que doer. Um preço mínimo, para ter grandes efeitos, seria de 5 cêntimos. Aí já dói e põe as pessoas a pensar. Enquanto for a 2 cêntimos é ao preço da chuva. O estado devia criar impostos horripilantes para este género de artigos prejudiciais à saúde.

 

Enquanto isso, nós cá vamos andando com a atitude: desde que não me afecte a mim, estou-me a cagar.

 

Para terem uma ideia dos malefícios do excesso de sacos de plástico, vejam este Wikipédia.

publicado por antiego às 14:22
| Comentar (ou não) | Adicionar aos Posts Favoritos
|
Quarta-feira, 2 de Junho de 2010

Bruna-Esperta

Neste caso vou reproduzir a opinião pertinente de pessoas amigas.

Pelo que ouvi, anda meia rede social a defender a professora do secundário que posou nua para a Playboy. Até ouvi dizer que há um movimento na rede social que se insurje contra a ostracização da professora que foi despedida por fazer uso da sua liberdade.

 

Quem me acompanha logo se riu desta noticia e disparou um rol de graças, fazendo uso do seu rico sentido de humor.

Dentro de todas as piadas, a ideia chave é que esta espertalhona teria feito isto premeditadamente, ou seja, previu tirar partido da escandaleira que seria uma setôra posar nua. Com esta publicidade, a carreira dela de modelo estaria garantida. Bem, a ultima noticia que li sobre a Bruna é que esta tem a agenda cheia. Com esta mega-publicidade, feita vitima coitadinha, que melhor propulsor para a carreira?

Para bater isto, só mesmo uma candidata a modelo virar freira e depois posar nua com as suas vestes. Aí é que as fantasias iriam ao rubro.

Ela nunca foi a professora que posou nua, ela é a modelo que resolveu ser professora e esta ultima profissão acabou por beneficiar sobremaneira a sua principal. Aliás, segundo os relatos das revistas, o grande sonho dela era ser modelo.

 

Os moralistas anti-moralistas entram em acção. Que horror, não estamos num país livre? Pois, que achará a classe de professores sobre este caso? Andam os professores danados com uma anedota que chama de vaca a uma professora, e surge uma colega que se anda a despir para toda a gente ver.

 

Será natural e inofensivo a minha professora de francês posar nua para a playboy e ninguém ter nada a ver com isso? Eu não tenho nada a ver com isso, mas não vou descansar até ter uma cópia da revista. E acham possivel evitar que os alunos não tenham acesso a essa edição?

 

Vistas bem as coisas, isto é extremamente pedagógico. Agora nem pensar em faltar a uma aula de francês e vou estar sempre atento à professora.

 

Se uma professora se envolve sexualmente com um aluno maior de idade, alguém tem a ver alguma coisa com isso? Não estamos num país livre?

 

Tantas causas a merecerem a nossa atenção como por exemplo, a erradicação de um Hospital Pediátrico em Lisboa (O Hospital D. Estefãnia) e andam aqui umas quantas bestas no facebook a na blogosfera, chocados com esta inustiça. Já uma professora não pode ser mulher.

 

publicado por antiego às 11:40
| Comentar (ou não) | Adicionar aos Posts Favoritos
|
Segunda-feira, 8 de Março de 2010

Dia Mundial da Mulher a Dias

            Há cerca de 8 anos vi uma reportagem sobre o Dia Mundial da Mulher no jornal da noite. Diziam que cada vez mais a mulher ganha posição na sociedade e até empregos outrora exlusivos do sexo masculino, hoje em dia cada vez mais eram também preenchidos por mulheres.

            Deram o exemplo de motorista da Carris. Para tal convidaram uma motorista mulher para o programa, para um curta entrevista.

            A ultima pergunta e derradeira parte da entrevista, decorreu mais ou menos assim:

- Então, ouve muitas bocas por ser uma condutora mulher?

- Sim, algumas.

- Pois, há homens menos compreensivos.

- Não, geralmente os homens têm uma palavra doce e de incentivo para me dar, as pessoas mais duras e criticas são as mulheres.

 

            E assim uma mulher assassinou o Dia Mundial da Mulher.

 

 

            Não resisto a uma piada masculina pela qual já espero há meses e pensei que esta seria a data ideal. Não, os homens enaltecem o Dia Mundial da Mulher e estão longe de reclamar o dia mundial do seu próprio género no calendário. Porque “dia do homem” é quando a mulher quiser.

 

            Ih ih ih, Reparo agora, com grande dose de ironia, que a sapo tem como blog em destaque o E Deus criou a Mulher. Nada mais apropriado para prestar homenagem às mulheres, no dia de hoje. Será uma maneira de dizer: o grande valor das mulheres, aquilo que elas têm de mais elevado, são os seus estupendos corpos !! E podemos renomear este dia para “Dia das mulheres boas”. shlep.

 

            Ou será este o Dia Mundial da Mulher a Dias?

publicado por antiego às 16:16
| Comentar (ou não) | Adicionar aos Posts Favoritos
|
Segunda-feira, 1 de Março de 2010

Nada como uma boa Vingança

            Vi o trailer do filme It’s complicated (Amar é complicado) estrelando Meryl Streep.

            È o Sexo e a Cidade para mulheres cinquentonas: mulher muito certinha, que nunca fez nada de Wild,  esteve casada durante 20 anos e era encornada à força toda. Agora vê-se divorciada e tem que aturar as aparições do ex-marido, com sentimentos de embaraço e talvez humilhação. O Marido está envolvido com uma jovem modelo de vinte e poucos anos (claro que esta relação, à semelhança do Mr. Big e o casamento com a sua Vintona, vai pelo cano abaixo e o cafacheste infiel vai-se quilhar).

 

            A grande vingança: ela começa a ter um affair escaldante (muito sexo e até drogas) com um homem casado, e excalama extasiada: “Eu agora sou a outra!”. Outra é palavra dourada na música pimba pirosa portuguesa.

 

            Foste encornada pelo teu marido, ele trocou-te por uma jovem boazona de vinte anos? Nada melhor do que arranjar um homem casado e vingares-te encornando uma mulher, seja ela quem fôr. Fuck the World.

            Na sua versão mais light, como dizia uma gaja na net: mais vale ser eu a amante do que ao contrário: a mulher enganada.

 

            Como dizem os RadioHead “Whatever makes you happy”.

Contador Web
Contadores
online

.tags

. todas as tags

.mais sobre mim

.pesquisar

 

.Março 2017

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
30
31
blogs SAPO

.subscrever feeds