"Espicaçar as consciências adormecidas"

.posts recentes

. Mais Sexys do Mundo

. Pagar um copo

. Generalizações

. Mau Sexo

.arquivos

. Maio 2018

. Março 2017

. Maio 2016

. Janeiro 2016

. Agosto 2015

. Maio 2015

. Abril 2015

. Março 2015

. Fevereiro 2015

. Dezembro 2014

. Novembro 2014

. Setembro 2014

. Julho 2014

. Junho 2014

. Maio 2014

. Abril 2014

. Março 2014

. Fevereiro 2014

. Janeiro 2014

. Dezembro 2013

. Novembro 2013

. Outubro 2013

. Setembro 2013

. Agosto 2013

. Julho 2013

. Junho 2013

. Maio 2013

. Abril 2013

. Março 2013

. Fevereiro 2013

. Janeiro 2013

. Dezembro 2012

. Novembro 2012

. Outubro 2012

. Setembro 2012

. Agosto 2012

. Julho 2012

. Maio 2012

. Março 2012

. Fevereiro 2012

. Janeiro 2012

. Dezembro 2011

. Novembro 2011

. Outubro 2011

. Setembro 2011

. Agosto 2011

. Julho 2011

. Junho 2011

. Maio 2011

. Abril 2011

. Março 2011

. Fevereiro 2011

. Janeiro 2011

. Dezembro 2010

. Novembro 2010

. Outubro 2010

. Setembro 2010

. Agosto 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Outubro 2007

. Setembro 2007

. Agosto 2007

. Julho 2007

. Junho 2007

. Maio 2007

. Abril 2007

Em destaque no SAPO Blogs
pub
Terça-feira, 17 de Março de 2009

Mais Sexys do Mundo

            Descobri um novo canal que é de gritos. O Canal "E" ou "E!". È um canal cor-de-rosa. Mexericos, gente famosa, etc.

            Passaram um programa a falar das 25 gajas mais sexys do mundo e outro dos 25 gajos mais sexys do mundo.

 

            Para grande orgulho nosso, o 1º lugar dos gajos é do Cristiano Ronaldo. Grande macho lusitano. Mostra-lhes como é. O 1º lugar de gajas foi para Adriana Lima, Braisleira. Também me sinto muito honrado com este prémio feminino. Que dizer? As pessoas mais boas do mundo falam português. E a Adriana Lima decerto tem genes portugueses. Ora aí está, con gratulem-se.

 

            Eu sei que ela é portuguesa, e ela aparecer to TOP 10, também é motivo de glorioso orgulho, mas qual não foi o meu espanto quando vi Nelly Furtado no 9º Lugar !! Ouviram bem? No Nono lugar. Que raio de critérios usaram na eleição? Deve ser uma espécie de miss simpatia.

 

            E porque não acredito muito na validade dos critérios? Porque na maior parte das gajas do TOP 25, eu vi comentários de gajos babados, do género: "Fico quente só de ouvir falar no nome dela". Quando chegou a vez da Nelly Furtado, só apareceram testemunhos de gajas a falar !! Não se viu um só gajo a elogiar a sua beleza ou formas.

            Mas quem entende de mulheres, afinal, hmmmm !

música: Cámone - Nelly Furtado
publicado por antiego às 00:13
| Comentar (ou não) | Adicionar aos Posts Favoritos
Quarta-feira, 2 de Abril de 2008

Pagar um copo

          Depois de ter lido o artigo Todos gabarolas, todos iguais!, recordei-me: mas que merda é esta, que galanteio é este, de pagar coisas a uma gaja desconhecida !!! Que cena é esta de pagar um copo ou um jantar a uma gaja? Que cena mais machista. E quem o aceita, assim, não sente um certo cheiro a prostituição?

            As ocasiões em que paguei um jantar ou um copo a uma mulher que não estivesse ligada a mim, foi nas mesmas situações a que fiz a um homem: por essa pessoa ter dificuldades económicas (oferecer copos a pessoas intimas é natural)

        A uma desconhecida pela qual engraçamos, dá-se uma flor ou escreve-se um bilhetinho :-)

            Pagar-lhe um copo… só se ela trabalhar num bar de alterne.

          Nem nas noites loucas, nos tempos da universidade, isso era prática que as mulheres aceitam-se, em geral.

         Aliás, no ambiente académico, convidar alguém para sair, jantar, etc, apenas significava:

- Gostava de ter a tua companhia.

            Nem passava pela cabeça de ninguém que o outro iria pagar o que quer que fosse.

            Aliás, certo dia achei que seria razoável pagar um café e ficaram quase ofendidos com isso!

 

            Agora, se um dia, uma desconhecida me convidasse para jantar ou me oferecesse um copo, isso é que era ATITUDE! (não vale a pena, tarde demais)

 

Terça-feira, 26 de Fevereiro de 2008

Generalizações

            Há muitas pessoas que são contra as generalizações, quais moralistas indignados por ser racizar um tipo de pessoas. Julgam que quem generaliza é preconceituoso ou está a criar um preconceito.

            Isso é um preconceito. Esses tais moralista têm um preconceito em relação às generalizações e quem as faz. O que interessa é se as generalizações correspondem à realidade ou não. Se são justas ou não.

            O maior erro que as pessoas cometem é entender uma generalização como um “totalidade”. Quando uma pessoa diz “Os Visigodos são azeiteiros” está a dizer que “A maior parte dos visigodos são azeiteiros” e não “todos os Visigodos são azeiteiros”.

            E depois há diálogos idiotas do género:

- O ser humano tem cabêlo.

- Não. Há homens que não têm cabelo, os carecas. E mais! Quando os seres humanos nascem, não têm cabelo (não, a minha filha tinha, chupa!)

            Estes são espiritos tacanhos. Mais a mais, esquecem-se de uma coisa que existe no pensamento humano que são as excepções.

            Que idiotice é essa de ser contra generalizações? Elas são necessárias. É a maneira de sistematizarmos as coisas. É um racicionio inteligente, lógico e matemático. Sem elas, sem este mecanismo de pensamento, de classificação, seria o caos. Esses moralista também o fazem, simplesmente porque são humanos. Senão o fazem são burros.

            Mais uma vez, importa se a generalização é correcta ou não. Obviamente que as pessoas cometem muitos erros quando generalizam, como generalizar a partir de apenas dois exemplos.

            Criticar generalizações também é um cliché, também é uma moda actual.

Quarta-feira, 20 de Fevereiro de 2008

Mau Sexo

        Nunca percebi o que é isso de “mau sexo”. Para já, isto é uma expressão anglo-saxónica, adoptada para português. É o “bad sex” que ouvimos nas séries de lingua  inglesa e nas canções.

                Para mim, mau sexo é não o ter. Desde que não nos saia na rifa um(a) psicopata.

            Ou será que os ingleses têm padrões sexuais muito exigentes? Porém, os latinos são tidos como mais fogosos, daí a expressão “latin lover”.

              Isto é um pau de dois bicos: tem-se a ideia que os ingleses e nórdicos, são mais frios na cama e têm um sexo mais pobre (até os próprios ingleses reconhecem isto). Este suposto facto poderia ter duas reacções:

1. Como têm sexo pouco fogoso, realmente viram-se foçados a criar a expressão “bad sex”, fartos de tantas experiências pouco gratificantes.

2. Como têm sexo pouco fogoso, os seus padrões seriam mais baixos que os dos latinos, e teriam, relativamente, melhor sexo que estes (baixas expectativas).

            Pelos vistos, é o primeiro caso.

            E os latinos quando se queixam, queixam-se de barriga cheia? - Acho que os latinos queixam-se mesmo é de pouco sexo ou de falta de sexo.

 

            Ou será que mau sexo são coisas como:

- Apanhar no cú.

- Ser violada.

- Apanhar uma companhia que quando atinge o climax, exclama troçando: “eu já estou!” e vaza da relação.

- Ter uma companhia que não sabe ser activa, nem deixa que a outra parte seja activa: o que commumente se chama “Não fode nem deixa que o fodam”.

- Apanhar uma gaja com a vagina dentada (ou com a boca dentada).

música: Insomnia - Faithless
sinto-me: curtir falta de regras da sapo

.tags

. todas as tags

.mais sobre mim

.pesquisar

 

.Maio 2018

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
27
28
29
30
31
blogs SAPO

.subscrever feeds